SUPER GIRO #21

Panterou
O grande acontecimento da semana foi, sem dúvidas, a estreia de Pantera Negra. No vídeo com os Três Elementos, tivemos que arriscar uma nota antes de ver o filme. Chutei um 7 e fui criticado, zombado, difamado e caluniado pelos nobres colegas do trio (minha advogada já está analisando o caso).

Acontece que a coluna já conferiu o filme e a nota acabou sendo essa mesmo. Nos últimos dias pipocaram opiniões de gente boa dizendo que este é um das melhores produções da Marvel. Apesar de todo hype, acho que não chega a tanto. Com certeza, é um longa ótimo, inteligente e empolgante. As questões étnicas dão um toque especial à produção, com um vilão cheio de motivações interessantíssimas.

No entanto, achei muito isolado do universo Marvel, tanto pela ausência de grandes menções aos outros longas do estúdio (principalmente por não ter relação alguma com as joias que Thanos caça) quanto pelo tom supersério. Há piadas, claro, mas há todo um tom solene que estranhei um pouco.

De qualquer forma, é um filme imperdível para os fãs da Marvel e, obviamente, para quem curte o Pantera Negra, um dos heróis mais necessários dos quadrinhos.

Quarteto Mais que Fantástico
Essa semana, enquanto o Brasil soltava confetes, os EUA continuaram soltando trailers por aí. O que mais chamou a atenção foi o de Os Incríveis 2, lançado até já com dublagem em português:

Em dois dias, o vídeo original (em inglês) já bateu quase 7 milhões de visualizações, mostrando que há uma grande expectativa para a continuação do sucesso de 2004, época em que ainda não havia essa febre de filmes de super-heróis. Os Incríveis 2 tem cara de estar no nível do primeiro. Mas mesmo que não seja tão legal, é garantido que estará acima dos filmes com os personagens que inspiraram essa animação. A família de Beto vence a de Reed Richards no cinema fácil fácil.

Kiritos
Outro destaque da semana foi o novo trailer de Jogador Nº 1, dirigido por Steven Spielberg.

O filme estreia em 29 de março, contando a história de um rapaz que, como tantos outros jovens, foge de uma realidade miserável jogando videogame. Parece até nosso presente, mas a trama é futurística e se passa em um mundo onde Oasis não é uma banda com dois irmãos se porrando, e sim o nome de uma realidade virtual mais bem sucedida.

Planeta dos Macacos
E por falar em jogos, saiu também o trailer de Rampage, filme com The Rock baseado em um velho videogame. Na história, o nosso herói se une ao amigo gorila sem febre amarela para salvar o dia:

“Baseado em um velho videogame” é só modo de falar, né? Pelo vídeo abaixo, você vê que no game, na verdade, o objetivo era jogar com monstros para destruir tudo pela frente:

Além de a história não ter nada a ver, rolou um whitewashing na hora de escalar o gorila para o papel. Mostra também que o sindicato de gorilas albinos vem ganhando força no mercado, já que na franquia Planeta dos Macacos, o personagem Winter teve grande destaque.

Salve o Wundo
Teve também lançamento de novo pôster do filme de Teen Titans Go!, brincando com a versão cinematográfica da Liga da Justiça.

Falta ver como fica o cartaz em português. Se vierem com “Wundo” de novo, a piada fica ainda melhor.

Daniel San
E saiu também o primeiro trailer da série que dará continuação à saga do herói de Karatê Kid, com o mais cagão dos caratecas 30 anos depois de derrotar a turma do Cobra Kai:

Na história, Daniel San voltará a se estranhar com Johnny, que vai reabrir a o curso Cobra Kai. Depois de tanto tempo, Daniel deve ter encerado muitos carros e pintado muitas paredes, aperfeiçoando assim sua inigualável técnica.

A coluna não perderá um episódio.

♫ I am a man who will fight for your honor… ♪

Ulisses Mattos

Por: Ulisses Mattos

Ulisses Mattos é roteirista de humor na TV, um dos criadores do Alta Cúpula, do @na_Kombi e da websérie Épica das Galáxias. É membro do trio nerd Três Elementos e faz stand-up comedy. Escreveu sobre cinema no Jornal do Brasil e nos sites da Veja e Abacaxi Voador

2018-02-16T12:01:38+00:00 16 de fevereiro de 2018|5 Comentários
  • Não sei se vejo esse trailer do Karate Kid… medo.
    Quanto aos Incríveis, só alegria!

    • Karate Kid tem que ver de coração aberto. Mas não põe a mente no meio que atrapalha.
      Eu acho o primeiro Incríveis sensacional. Mas sempre tive uma pontinha de mágoa por achar que o grande público da época não sabia que os poderes de alguns dos heróis e o próprio conceito de uma família superpoderosa já eram usados na Marvel. Ficava pensando “se vcs acharam isso legal, tinham que conhecer o universo Marvel, seus desinformados!”.

  • Jean Carlos

    Eu dou um 7 também pelo Pantera Negra, não gosto do ator e estou curioso por Jogador Nº 1!

    • Até gosto do ator. Mas achei que outros no filme tinham um pouco mais de carisma. As mulheres, principalmente.
      Esse Jogador Nº1 eu acho que vai ser legal pelas referências e tal. Mas me parece que a história vai ser meio fraquinha. E até fico na dúvida se overdose de referência, e tão explícitas, é uma boa. Só conferindo mesmo.

  • Marcos Sousa

    Acho interessante o quanto esse filme moveu pessoas de etnia preta( “negro” e um termo com carga bem pejorativa) vendo que foi um país que aboliu a escravidão bem antes que nós, esse filme significa muito para as pessoas afro-americanas. Engraçado que aqui não teria tanto movimento por causa de herói negro, mulher ou outros. Não estou dizendo que não haveria nenhum mas nenhum que ocorresse aqui superaria o engajamento que eles tem lá.