SEXTA-FEIRA 13 #27 – O Corvo, adaptação de Leander Moura

Início/Destaques, Leia!, Sexta-feira 13/SEXTA-FEIRA 13 #27 – O Corvo, adaptação de Leander Moura
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula

Edgar Allan Poe escreveu O Corvo, sua obra prima. Leander Moura adaptou para o quadrinho, criando uma obra igualmente única!

Do poema ao quadrinho

Ver grandes obras ilustradas é sempre muito bom mas Leander Moura foi além em sua adaptação de O Corvo. Sua quadrinização do famoso poema de Edgar Allan Poe confere uma nova camada de tormento à obra.

Não é a primeira vez e nem será a última que veremos O Corvo em quadrinhos mas certamente é uma das obras mais belas que veremos, principalmente no cenário nacional. 

Um nome que desponta no cenário nacional

Leander Moura é um artista e quadrinista que desponta no cenário nacional de quadrinho. Ele criou dentre várias HQs, Horas Escuras, que já falamos por aqui

Seu traço inconfundível trabalha a luz de forma que todas as suas sombras consigam criar uma atmosfera aterradora. Enquanto lemos O Corvo é fácil perceber que quadro a quadro o tormento se esconde em cada penumbra. No poema um homem sofre profundamente pela perda da amada Lenore enquanto conjectura vários pensamentos a um enorme corvo negro que aparece misteriosamente durante a noite.

No desenho Leander utilizou o ator Jon Bernthal para os estudos de traço do pobre homem. Para a personagem Lenore ele fez estudos na atriz Kate Moss.

A adaptação do poema

Uma adaptação que usa a arte como narradora silenciosa de uma história cheia de pequenos detalhes. O poema de Poe vai sendo recitado enquanto as sombras contam sua própria versão. A tradução utilizada foi a de Machado de Assis.

A solidão do narrador, se esconde em meio à grandiosidade do fundo, recortado na peculiar forma do corvo. Essa imagem da capa em si é um poema de tão maravilhosa.

O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula

O Corvo – Edgar Allan Poe – Leander Moura – Editora Diário Macabro

Não à toa a Editora Diário Macabro resolveu pegar a obra, que tinha saído de maneira independente com o apoio Quadro 9, e a republicou em seu catálogo com várias páginas de extras (o link que deixo aqui é para essa versão completa). Para isso, Leander magistralmente inverte a capa original que era branca e preta, para uma versão preta e branca. Uma imagem digna de estar em um lindo poster na parede.

Eu tenho a edição em capa branca (ver imagem mais abaixo), hoje uma raridade autografada. Quero comprar ainda a edição da Editora Diário Macabro, pois além de muitos extras e páginas a mais, a jogada visual que Leander fez, por si só, vale muito! 

Conclusões finais

Sigam Leander Moura e acompanhem seu trabalho. Um desenhista nacional de talento ímpar, que arrisco dizer, é um dos melhores e mais habilitados ao desenho do horror.

Leander traça seu caminho no cenário nacional não apenas como artista, mas também como roteirista, mostrando seu leque de talentos.

A cena de quadrinhos nacional unca esteve tão forte! Nunca mais devemos deixar de olhar para os nossos talentos brasileiros.

Nunca mais!

Tô LendoAlgumas imagens!
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Capa branca da versão independente
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula
O Corvo - Edgar Allan Poe - Leander Moura - Editora Diário Macabro - Caverna do Caruso - Coluna Sexta-Feira 13 - Daniel Gárgula

Curtiu a versão magnífica que Leander Moura fez de O Corvo, de Edgar Allan Poe? Gostaria de ver mais quadrinhos de clássicos como esse quadrinizados? Deixa seu comentário e vamos conversando!

Daniel Braga

Por: Daniel Braga

Pai de uma mulher, nerd, analista de sistemas especializado em infraestrutura, poeta, board game designer e sommelier de cervejas. Adora jogar board games e ouvir jazz anos 30/40, Dead Can Dance e rock and roll. Curte muito o gênero de horror e tudo relacionado, principalmente as boas leituras como Lovecraft, Blackwood, Machen e muitos outros.

2020-06-05T14:39:57+00:00 5 de junho de 2020|0 Comentários