NAS PRATELEIRAS #61 – Tê Rex: Spoilerfobia

Início/Destaques, Leia!, Nas Prateleiras/NAS PRATELEIRAS #61 – Tê Rex: Spoilerfobia

Acredito que muita gente teve um primeiro contato com quadrinhos através das tirinhas. De personagens históricos a super-heróis, elas sempre fizeram parte da nona arte como forma de apresentação. Hoje é dia de conhecer mais uma revista nesse formato e, pasmem, desenhada por uma menina de apenas onze anos.

Novos quadrinistas surgem a cada ano e o formato de tirinhas (ou comic strips) na web tem sido a porta de entrada para este universo de muitos deles. Com o tempo e sucesso existe a tendência de compilar todo esse material em um livro para o consumo do produto por um novo público ou mesmo para aqueles que já conheciam e não conseguiram acompanhar todo o projeto. Se até com Dilbert, Peanuts ou Calvin e Haroldo aconteceu isso, por que não com publicações nacionais?

De cara já posso sugerir materiais bem legais como Morte Crens do Gustavo Borges (com campanha no Catarse atualmente para o terceiro livro do personagem), já falei aqui anteriormente de Placas Tectônicas, tem o Profissão Super Herói também do pessoal do bardobardo… só procurar no Google mesmo que você acha.

Quem nunca…

Porém, entre esses vários, um possui algo especial: Tê Rex! Produzido ano passado e lançado este ano pela editora AVEC essa HQ conta com o roteiro de Marcel Ibaldo e a arte da sua filha Marcelli Ibaldo. O curioso é que Marcelli tem apenas onze anos! Sim, a desenhista e colorista por traz de Tê Rex poderia estar apenas consumindo quadrinhos nessa idade, mas está produzindo sem próprio material… é sensacional!

Tê é uma tiranossaura nerd com uma grande imaginação e apaixonada por quadrinhos e livros. Nas tirinhas conhecemos um pouco dessa personagem que vive nesse mundo antiquado e, ao mesmo tempo, tão atual. Trata de temas como preconceito até aqueles spoilers que, nós, consumidores de filmes e séries odiamos! Aliás, daí vem o nome Tê Rex: Spoilerfobia, título desse edição.

São cerca de 90 páginas bem divertidas que já separei para iniciar a futura coleção de quadrinhos do meu filho! Trata os assuntos de uma forma bem simples que funciona para pessoas de qualquer idade. Tem umas sacadas bem legais em algumas tirinhas, mas não vou falar o que para não dar spoiler. 😉

Você pode acompanhar a Tê no seu blog ou comprar sua edição nas livrarias. Ah, e parabéns à dupla!

Tô Lendovantagens
  • Para todas as idades!
  • Fácil de achar e bom preço.
  • Quadrinhos nacional que reflete nossa realidade.
  • Muito divertido.
Tô Lendodesvantagens
  • São tirinhas escritas por um pai e ilustradas pela filha de onze anos, se você espera um Sandman ou ver tripas, acho que não seria bem aqui. Rs

Não saia daí sem deixar seu comentário. Mande sua dica de leitura também!

Tiberio Velasquez

Por: Tibério Velasquez

Analista de sistemas por profissão, integrante do Conselho Jedi do Rio de Janeiro, Tibério também é fotógrafo, turista, iPhoner e colecionador. Curte de tudo: filmes, músicas, livros, séries, peças teatrais, jogos e quadrinhos. Nerdices à parte, assiste sempre MMA, NFL, Rugby, NBA, MLB, futebol, e tenta não deixar a prática de esporte de lado.

2019-03-19T10:27:20+00:00 14 de março de 2019|4 Comentários
  • Belíssima coluna, Tibério! Mandou bem! Vou colocar a Tê Rex na frente da fila! Agora, eu fiquei com impressão que a outra sugestão se chamava O Bardo Barbado e não O Bar do Bardo. Mas agora não sei mais… rs

    • Barba do Bardo!!! Ninguém acertou… Hahaha

  • Ricardo Varotto

    Que legal. Vou dar uma conferida no blog.

  • Ricardo Varotto