CdC #18 – BARRY WEEN, BOY GENIUS

Início/Caverna do Caruso, Destaques, Leia!/CdC #18 – BARRY WEEN, BOY GENIUS
CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick

Barry Ween – The Boy Genius é HILÁRIO! A premissa é de um garoto de 10 anos com o maior intelecto da Terra, sem abandonar o universo infantil que norteia uma criança de 10 anos de idade (melhores amigos, pai e mãe, paixonites, etc). Uma espécie de mistura de Laboratório de Dexter / Pink e o Cérebro, com um leve feeling de personagens da Turma da Mônica, mas com um humor bem afiado e um pouco mais ácido!

Uma das curiosidade desse livro, é que ele é escrito pelo Judd Winnick, roterista medalhão da DC, responsável pelo primeiro (excelente) arco depois do retorno do Arqueiro Verde, sabe qual é? Saiu aqui pela Panini, numa edição encadernada (facílimo de achar por aí). Ele escreveu muitas outras coisas pra DC também, mas o interessante é que nenhuma delas têm NADA a ver com Barry Ween, que tem uma pegada totalmente voltada para a comédia.

Outra curiosidade desse livro é que além de escrito, ele é desenhado pelo Judd Winick, roterista medalhão da DC, responsável pelo primeiro arco… etc, etc, etc. A questão é que: eu nem sabia que ele desenhava!!! E os desenhos são ótimos! Expressões hilárias, caretas incríveis, um domínio sensacional do que ele se propõe. Me surpreende muito ele não trabalhar mais como desenhista… (Deve ser porque ele é excelente roteirista e isso anda sempre em falta no mercado… Eu não sei se você sabe, mas ele é responsável pelo primeiro arco do depois do retorno do Arqueiro Verde… ok, parei.)

CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick

Muito bem: se você está procurando uma leitura diferente, leve e divertida, acabou de achar! Acho que essa é a leitura ideal para dar um respiro no meio de tantas outras leituras mais intensas e “super-poderosas”…

Vamos às vantagens e desvantagens!

Tô Lendovantagens
  •  São apenas dois volumes: “Barry Ween – The Boy Genius” e “Barry Ween – The Boy Genius 2.0”
  • Uma leitura levíssima
  • É hilário.
  • Excelente para os amantes de Calvin e Haroldo e tiras de um modo geral. Embora a revista não seja nesse formato, ela tem um pouco dessa levada.
  • A arte é muito boa!
  • Uma excelente leitura para atrair iniciantes ao universo dos quadrinhos.
  • São bem fáceis de achar nas Comic Shops americanas e na venda on line.
  • Contém palavrão
Tô Lendodesvantagens
  • Preto e branco
  • São só dois volumes, vai definitivamente te deixar querendo mais
  • Não foi publicado no Brasil, então você vai precisar de um CCAA ou outro curso de inglês a sua escolha.
  • Contém palavrão. Muitos. Pode ofender o leitor mais sensível.

Esse é um verdadeiro achadinho desse maravilhoso mundo dos Quadrinhos! Se você já conhece, por favor, deixe aqui seu comentário! Se não, estou à disposição para tirar qualquer dúvida que você possa ter e que eu saiba responder…

Uma boa semana e boas leituras!

Tô LendoAlgumas imagens!
CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick
CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick
CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick
CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick
CDC #18 The Adventures of Barry Ween, Boy Genius Judd Winick
2018-05-30T08:53:01+00:00 30 de maio de 2018|11 Comentários
  • Ricardo Varotto

    Gostei. São várias historinhas curtas no mesmo volume? E quanto a ser P&B, que você citou como uma desvantagem, por que a amostra é colorida?

    • Sim, são várias histórias no mesmo volume. Elas não chegam a ter o formato de tirinhas, são mais longas que isso, mas não têm grandes arcos.
      Os encadernados que eu tenho são em PB (e os que eu achei nas comic shops e mais baratos por aí também). Essas imagens coloridas são de alguma remasterização ou versão digital!

  • The Freeman, El Cucaracho Libr

    Pô Caruso, realmente parece uma boa indicação, se tem uma pegada Calvin e Haroldo vale mais a pena ainda . E vendo aqui na Amazon, têm mais 2 volumes: Monkey Tales e Gorilla Warfare. Sem contar num encadernado bonito das três primeiras edições (e em capa comum, para o seu deleite).

    • WHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAT????????????

  • Léquinho Maniezo

    Po, só a cena do dinossauro correndo ali com o carro já me vendeu bem o gibi! Não fazia ideia que o Sr. Winick desenhava, nunca li o arqueiro dele e o Batman dele me incomodava bastante, mas ainda existe uma referência boa dele na minha cabeça que é também uma memoria afetiva de infância: Juniper Lee. Porra como eu gostava desse desenho, passou um bom tempo no SBT e só depois de anos que eu fui saber que foi ele que criou.

    Apesar das amostras coloridas, o traço só em PB parece mais legal hein, se eu for atrás vai ser dessa edição ai. Ótima indicação como sempre, não sei como que se acha essas porra não, mas keep them coming. Abraço!

    • Hahahaha Amazon tá aí pra isso!
      Mas esse desenho Juniper Lee eu não conheço! Como era?
      Outra coisa: o Arqueiro dele vale a pena ler! Acho que tiraram muita coisa dali pra fazer Arrow (apesar de não terem feito direito, em minha opinião….)

      • Léquinho Maniezo

        Juniper Lee era uma menina que vinha duma família que lutava contra monstros e protegiam o mundo deles, sendo que essas criaturas ficavam escondidas das pessoas numa parada meio MIB. Eu não vejo faz MUITO tempo, mas era bem legal.
        Opa, então vou correr atrás desse Arqueiro Verde hein.

  • Jean Carlos

    Gostei, totalmente diferente do trabalho que ele fez na DC, isso mostra que o cara é versátil e de cara já gostei dos personagens,pena não ter mais.Abraço Caruso!!!!

    • Realmente não tem mais, mas ele criou um personagem novo, que eu gostei bastante, chama HILO! Vou escrever sobre ele aqui! É bem mais politicamente correto, mas vale a pesquisada! Abração, Jean!

  • Detetive Cômico

    Judd Winnick teve muitos altos e baixos, mas depois de Juniper Lee ele voltou a escrever coisa boa.
    Inclusive, obrigado Juniper Lee por fazer ele voltar a escrever bem

    • Quais foram as coisas ruins que ele escreveu, na sua opinião?